Notícias Grupo Rotkappen - 2016

Curta nossa From Page no Facebook

 

 

PICNIC CULTURAL! 
FEIRA DE NATAL.
Secretaria De Cultura Rolândia SÁBADO,17.12.2016 DAS 9:00 ás 17:00 horas no CORETO DO Ginásio dos Esportes Emnilio Gomes.

Que os ventos soprem a nosso favor, e as boas vibrações andem sempre ao nosso lado, que juntos possamos plantar a semente, da amizade, da bondade, do carinho, da união e do amor fraterno.

FELIZ NATAL, AOS AMIGOS ARTISTAS E ARTESÃOS DE ROLÂNDIA.

Fonte: Prefeitura de Rolândia


Livro Sobre A Fundação De Rolândia Será Lançado Dia 21

Será lançado no dia 21 de novembro, segunda-feira, às 20h no Centro Cultural Nanuk, na Rua Arthur Thomas 1476, Centro, o livro “Um pioneiro na selva brasileira”, obra produzida por Oswald Nixdorf em 1975 e escrita em alemão e só agora, mais de 40 anos depois, ganha a versão em português.

Nixdorf, alemão, foi contratado pela “Paraná Plantation” no fim da década de 1920 para organizar e trazer caravanas de imigrantes alemães para onde é hoje Rolândia e foi o fomentador da implantação de onde é nossa cidade hoje. A obra traz detalhes da formação e fundação do município e ainda contou com o apoio e as histórias de 13 famílias de origem alemã, suíça e austríaca (1929-1939), que povoaram e colonizaram o norte do Paraná. O livro tem 364 páginas e é recheado de documentos e fotos que narram desde a chegada dos imigrantes até meados da década de 1970.

O livro é editado pela EDUEL e será impresso mediante a demanda. Klaus Nixdorf, filho de Oswald Nixdorf, é o responsável pelo lançamento do livro e trabalhou para atualizar a obra com ainda mais documentos e fotos que contam a formação e construção de Rolândia. O evento é gratuito e, na solenidade, vários familiares dos imigrantes colonizadores estarão presentes no Nanuk, além de convidados que, de alguma forma, também estão ligados ao processo de surgimento da cidade. Klaus Nixdorf veio até a Prefeitura fazer o convite a toda a população e apresentar a prévia da obra ao Chefe de Gabinete, Diego Silva, visto que o Prefeito Dr. Francisconi está em Brasília participando do Congresso Nacional de Prefeitos.

A Secretaria de Cultura e Turismo apoia o livro, que promete trazer detalhes sobre a chegada da estátua Roland para a cidade, dentre outras informações históricas.

Fonte: 

XIII DEUTSCHE VOLKSTANZTREFFEN AUS CHAPECÓ - 15 ANOS DO EINTRACHT

Nos dias 26 e 27 de Novembro de 2016, o Eintracht Volkstanzgruppe Aus Chapecó realizou XIII Deustche Volkstanztreffen Aus Chapecó e os 15 Anos do Eintracht Chapecó, onde reuniram-se vários grupos de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e do Paraná.
A sociedade cultural Alemã Eintracht Chapecó, através da Diretoria, Coordenadores, Dançarinos e Pais tem o enorme prazer de agradecer a participação de todos que contribuíram para o sucesso na XIII Deustche Volkstanztreffen Aus Chapecó. O nosso agradecimento aos 32 grupos participantes (Rio do Sul, Santa Rosa, Palmitos, Alto Bela Vista, Guaraciaba, Arabutã, Luzerna, Bela Vista São Carlos, São João do Oeste, Três de Maio, Santo Cristo, Treze Tílias, Cândido Godói, Aratiba, Caxambu do Sul, Colônia Cella, Cunha Porã, Capanema, Frederico Westphalen, Peritiba, São José do Cedro, Rolândia, Concórdia, Xaxim, Cerro Largo, São João São Carlos, São Lourenço do Oeste, Saudades, Três Passos, Seara, Braço do Trombudo e Associação de Grupos Folclóricos Germânicos do Médio Vale do Itajaí -Blumenau).
Em especial a cada dançarino que abrilhantaram nosso evento, com muita dança, alegria e diversão.
Agradecemos aos pais e mães que se dedicaram para que tudo desse certo. Ao pessoal da cozinha e da churraqueira vocês são simplesmente de mais o jantar estava perfeito muito obrigado.
Ao pessoal da Dalla Choperia muito obrigado por mais um ano de parceria. Aos nossos colaboradores da copa, Parabéns atendimento nota 10 obrigado pela ajuda. Um muito obrigado especial da Bandinha do Garrafão que novamente animou a galera a noite toda.
Em fim só temos a gradecer a todos que participaram e ajudaram de uma forma ou outra para o sucesso do nosso evento em especial um muito obrigado a todos os dançarinos do Eintracht Chapecó.
Mais uma vez muito obrigado a todos e até o próximo ano! Que venha 2017 com muita festa!! 
Fonte: Eintracht Chapecó

 

 

O último dia da 28ª Oktoberfest de Rolândia

Domingo teve concurso do lenhador e lenhadora, do guaraná, do suco e do chope em metro, apresentações dos grupos de danças alemãs e premiação das rainhas e princesas

O último dia da 28ª Oktoberfest de Rolândia, no domingo (16), teve de tudo: concursos do lenhador e lenhadora, do guaraná, suco e chope em metro, apresentações dos grupos Rotkappen e Weisser Schwan, adulto e infantil, da banda Meninos de Ouro. À noite, os organizadores da festa entregaram os prêmios às rainhas e princesas, adultas e infantis, da Oktober. 

O presidente da Acrevo, Amilton Claudino, o Neno, fez um pequeno discurso antes de entregar o prêmio à Rainha Mirim da Festa, Júlia Naiverth Merelo dos Santos, 08 anos. A entidade detém o direito de organizar a Oktoberfest de Rolândia durante três anos – 2015 a 2017. Além de Júlia, foram premiadas Gabriely Bayerl Alves, 10 anos, a 1ª Princesa, e Sofia Umbehaun Martins, também 10 anos, a 2ª Princesa.

Já a Rainha da Festa, Tamires Terrazon, a 1ª princesa, Rafaela Fräger, e a 2ª princesa, Paula Carolina Matias, viajam na sexta-feira (21) para a Oktoberfest de Blumenau, onde representarão a Oktoberfest de Rolândia, juntamente com o Volkstanzgruppe Weisser Schwan.

 

Fonte: Jornal de Rolândia

1º Deutsches Treffen

O grupo folclórico alemão Weisser Schwan, de Rolândia, promove o 1° encontro de grupos folclóricos alemães

Publicado: 08/10/16 • 18h14
Atualizado em: 10/10/16 • 17h31

Compartilhe:     
O grupo folclórico alemão Weisser Schwan, de Rolândia, promove o 1° Deutsches Treffen der Volkstanzgruppe Weisser Schwan, que é um encontro de grupos folclóricos alemães. No total, 8 grupos folclóricos do Paraná e Santa Catarina participarão do encontro, segundo Patricia Guimarães, integrante do grupo Weisser Schwan. O Weisser e Rotkappen representam Rolândia no evento.
“O interesse maior é integração da sociedade de Rolândia com os grupos folclóricos de fora”, explica Patricia. Os grupos se apresentam no sábado (08), a partir das 20h, no pavilhão 2 da Oktoberfest e, logo depois, participam do baile germânico. No domingo (09), pela manhã, os grupos irão participar do desfile oficial da festa. Ao todo, 120 visitantes virão a Rolândia e irão se hospedar na Escola Municipal Vitório Franklin.

O encontro
O 1° Deutsches Treffen der Volkstanzgruppe Weisser Schwan será encontro realizado durante Oktoberfest de Rolândia, com a visita de grupos folclóricos alemães de outros estados, como forma de movimentar o turismo, o comércio e a festa de nossa cidade. O encontro tem o intuito apresentar aos cidadãos rolandenses a tradição alemã, por meio dos visitantes de outros estados e não apenas do ponto de vista de nossa cidade.
Na programação para os grupos está marcado um passeio cultural pela cidade, com visitação a alguns pontos turísticos, como o Complexo Emílio Gomes, Igreja Matriz, Igreja Luterana, Estátua Roland, Portal, Central Carnes em São Martinho, entre outros.

Grupos
Volkstanzgruppe Tanz Im Tal, de Benedito Novo (SC)
Blumenauer Volkstanzgruppe, de Blumenau (SC)
Grupo de Danças Folclóricas Alemã Berg’s Tal, Palmitos (SC)
Eintracht Volkstanzgruppe aus Chapecó, de Chapecó (SC)
Sünnros Volkstanzgruppe, de Jaraguá do Sul (SC)
Grupo de Danças Étnica Teuto Brasileiro, de Maringá (PR)
Rotkappen e Weisser Schwan, de Rolândia

Fonte: Jornal de Rolândia

 

 

Transpiram Oktoberfest que circula em suas veias

 

Ninguém mais que eles entendem de Oktoberfest, pois de todos que participam da festa são os únicos que vivem a cultura durante todo o ano. Viajam para outras cidades e conhecem outras festas típicas alemãs em todo o Brasil, são eles os grupos folclóricos RotKappen e Weisser Schwan

Passam por Pomerode, Blumenau, Igrejinha e tantas outras cidades que tem muito a ensinar a nossa quase trintona Oktoberfest de Rolândia.

Não dar a devida atenção aos grupos folclóricos RotKappen e Weisser Schwan é no mínimo uma desinteligência de quem organiza o evento.

Prova dessa competência e capacidade foi o encontro de grupos folclóricos promovido pelo Weiser Shwan. Nove grupos e mais de 150 membros estiveram em Rolândia vindos de várias cidades de Santa Catarina. Passaram por aqui grupos que se apresentam em outras partes do Brasil e do mundo. Deram um show que encheu os olhos de quem teve a oportunidade de ver.

E para quem acompanhou pode se orgulhar em ver que os grupos de Rolândia, RotKappen e Weisser Schwan não perdem em nada para os melhores do pais. A cidade com certeza pode sentir orgulho desse pessoal que faz a cultura florescer o ano todo e não apenas nos dias de Oktoberfest.

Fonte: Jornal Manchete

Desfile da Oktoberfest movimenta Rolândia

Érika Gonçalves - Grupo Folha - 09/10/2016 -- 13:15

Intitulada como a Festa da Família, a Oktoberfest de Rolândia reúne diversas gerações. Uma das provas é o Tradicional Desfile, realizado na manhã de sábado (8) no centro da cidade. Crianças, jovens, adultos e idosos se reuniram para apreciar os trajes típicos de diversas regiões da Alemanha, além muita música, dança e chope, claro. 

Além da tradicional presença da Rainha e das princesas, participaram desta edição nove grupos folclóricos que se reuniram na cidade para o primeiro encontro de grupos folclóricos alemães. Além dos dois grupos anfitriões de Rolândia - Rotkappen e Weisser Schwan -, também desfilaram os integrantes do Grupo de Danças Étnica Teuto Brasileiro de Maringá e outros seis grupos de Santa Catarina, de cidades como Blumenau, Jaraguá do Sul e Chapecó. 

Promovida pela Associação Cultural e Recreativa da Vila Oliveira (Acrevo) e com o apoio da Secretaria de Cultura e Turismo, a Oktoberfest continua até o próximo domingo, dia 16 de outubro, com entrada franca. Na programação, jantares típicos durante todas as noites, com apresentação dos grupos folclóricos. Na quarta-feira, dia 12, e no final de semana, o restaurante também servirá almoço. Entre as atividades culturais e de lazer estão as tradicionais competições de guaraná em metro para as crianças e de chopp em metro para os adultos, além do Baile Germânico. 

Serviço: 

28ª edição da Oktoberfest de Rolândia 
Complexo Esportivo Emílio Gomes (Espaço Viva Viva), na Avenida Castro Alves 2116, Centro. 
Entrada franca. 

Programação de domingo (9) 
A partir das 15 horas, haverá o concurso de guaraná em metro no coreto. 
A partir das 16 horas, será realizada a apresentação de grupos folclóricos da categoria adulta e infantil no coreto e no restaurante. 
A partir das 17h30min, haverá o concurso lenhador e a eliminatória do concurso de chope em metro.

Fonte: Jornal de Rolândia

 

28ª Oktoberfest de Rolândia começa nesta quinta-feira (06)

 28ª Oktoberfest segue até o dia 16 de outubro. Veja a programação completa.

 

A 28ª Oktoberfest de Rolândia começa hoje. O evento será aberto com o desfile das lanternas – o trajeto sai da Igreja Matriz São José, às 20h, e passa pela Feira da Lua, Praça Castelo Branco e termina no coreto do Complexo Esportivo Emilio Gomes, onde haverá a abertura oficial da festa, seguida do Concurso de Rainha e Princesas Mirim, no Espaço Viva Viva. A concentração será às 19h30.

“A abertura oficial vai ser bem simples. Não vamos fazê-la muito demorada. Vai ter a sangria de barril”, relata Amilton Claudino da Silva, o “Neno”, presidente da Comissão Organizadora. O restaurante e a praça de alimentação, segundo Neno, já estarão em funcionamento desde a abertura da Oktoberfest e não haverá cobrança de entrada em nenhum dia do evento. “Será tudo gratuito”, ressalta.

A 28ª Oktoberfest segue até o dia 16 de outubro. Abaixo, a programação completa:

Quinta-feira (06): 
19h30 - Concentração para o Desfile das Lanternas, na praça da Igreja Matriz São José
20h - Desfile das Lanternas, com dança de integração na Feira da Lua
21h – Abertura Oficial, no Coreto do Complexo Esportivo Emílio Gomes, seguida pelo Concurso da Rainha Mirim, no Espaço Viva Viva

Sexta-feira (07):
20h – Restaurante 
21h30 - Apresentação dos Grupos Folclóricos, categoria adulta

Sábado (08):
20h - Encontro de Grupos Folclóricos, no pavilhão 2
22h - Baile Germânico, no pavilhão 2

Fonte: Jornal de Rolândia

Desfile leva milhares na avenida

Cerca de 3 mil pessoas, entre participantes e público, foram até a Interventor Manoel Ribas, em Rolândia

Publicado: 07/09/16 • 19h23 - Atualizado em: 08/09/16 • 11h45

O Desfile da Independência levou cerca de 3 mil pessoas – entre participantes e público – até a avenida Interv. Manoel Ribas, em Rolândia, na manhã desta quarta-feira (07). Apesar da demora – uma das poucas reclamações ouvidas a respeito do evento -, o desfile foi elogiado pela diversidade mostrada e pela participação das crianças, um show à parte. 

O evento começou em torno das 09 horas e terminou apenas perto do meio-dia com a participação de 12 escolas municipais e os 9 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs), além de outras instituições. Como sempre, o trajeto se iniciou na rotatória dos Correios e terminou na rotatória próxima à Lanchonete Maruishi. Um dos pontos altos foi o Grupo Cosplay, formado por amantes de personagens de filmes e HQ – Batman, Stormtroppers, Super-homem, Coringa, e outras personagens desfilaram pela avenida, atraindo olhares e atiçando a curiosidade de todos.

#28ºOktoberfestdeRolândia, #RainhaOktoberfest, #PrincesasOktoberfest. #GFARotkappen #Rolândia

Fonte: Jornal de Rolândia

Rotkappen realiza Festival Folclórico e Concurso Infantil de Dança

Eventos serão realizados no centro cultural Nanuk nas noites de sábado e domingo; entrada é franca

Publicado: 20/08/16 • 14h10 Atualizado em: 24/08/16 • 10h17

O Grupo Folclórico Alemão Rotkappen, de Rolândia, realiza seu 1° Festival Folclórico e Concurso Infantil de Dança neste final de semana: sábado (20) e domingo (21), às 19h30, no Centro Cultural Nanuk. Os dois eventos são abertos ao público.

Kátia Dias Förster, presidente do Rotkappen, conta que o concurso infantil será no sábado, com a participação de cerca de 140 crianças, do 3° ao 5° ano, de cinco escolas municipais de Rolândia: Monteiro Lobato, Maria do Carmo Campos, Maria Teixeira Georg, Parigot de Souza e Sebastião Feltrin.

Membros do Grupo Folclórico estão ensaiando com as crianças há cerca de um mês a dança Tangermünder Polka. Os grupos das escolas competirão entre si, com a mesma coreografia e haverá troféus e lembrancinhas para 1°, 2° e 3° lugares. Cinco jurados avaliarão o desempenho dos participantes. “O objetivo é mostrar a cultura alemã, que é uma das fundadoras da cidade, e levar para as crianças das escolas municipais. É uma coisa diferente, elas estão gostando bastante”, relata Kátia.

Segundo a presidente, o Festival Folclórico, no domingo, terá apresentações de outros grupos de diferentes etnias – provavelmente de japoneses e indígenas – e de bandas, corais e capoeira. “Ainda não estão todos confirmados”, explica. O objetivo, de acordo com Kátia, é que os grupos conheçam os trabalhos uns dos outros.

Rotkappen
O Grupo Folclórico Rotkappen tem 25 membros na categoria adulto e 20 na categoria infantil. Os ensaios acontecem todos os sábados, das 14h30 às 15h30 (infantil) e das 16h às 18h (adultos) na Igreja Luterana. “Conseguimos bastante crescimento esse ano, com a maior divulgação da dança, as crianças têm procurado bastante”, relata Kátia.

Os eventos são realizados dentro do Projeto “Folclore, conhecer para amar, amar para respeitar”, aprovado e financiado pelo Fundo Municipal de Cultura de Rolândia. 

Fonte: Jornal de Rolândia

O 'Plug' deste sábado (27) deu um passeio em Rolândia!

Maior coxinha do mundo? Dança típica alemã? Cuca da boa? Michelly Corrêa foi até Rolândia para conhecer a cultural local e locais pra lá de bacanas, na cidade. Vem ver com a gente?

Bloco 1  De cara, fomos parar num restaurante muito procurado por turistas que serve comida típica alemã. Joelho de porco com batatas, salsichas... Hmmmm!

Video - 1

Depois, conhecemos grupos folclóricos alemães.

Bloco 2 Para fechar, fomos comer a tradicional cuca alemã - com receita secreta de família!

Vídeo - 2

Fonte: Rede Globo - RPC

 

Um baile memorável e cheio de atrações

O Baile germano-suíço de Rolândia, realizado na noite de sábado (13), mostrou um pouco do que a Alemanha e a Suíça têm. O evento aconteceu na sede II do Rolândia Country Club (antigo Clube Concórdia) e presenteou os participantes com belas apresentações e com um cardápio de primeira.

O Coro Roland Singt, que organiza o baile há anos, foi o primeiro a se apresentar, seguido das danças dos grupos folclóricos Weisser Schwan e Rotkappen, também responsáveis pelo suporte na organização do baile. Depois, a animação ficou por conta do Conjunto Musical Grüne Stadt (Maringá).
Angellu’s Buffet foi o responsável pela gastronomia, que teve Eisbein, Kässler, salsicha branca e vermelha e mostarda. O baile teve apoio da Igreja Luterana Heimatklänge.

Fonte: Jornal de Rolândia

COLÉGIO BENJAMIN CONSTANT PROMOVEU 1º ENCONTRO DE DANÇAS FOLCLÓRICAS ALEMÃS

Parte das comemorações de 115 anos do colégio, evento reuniu grupos de diferentes estados do País.

O Colégio Benjamin Constant realizou, no dia 4 de junho, em suas instalações, o 1º Encontro de Danças Folclóricas Alemãs. Parte das comemorações dos 115 anos da escola, o evento reuniu não só os grupos do colégio, o Tanzfreunde e o Grupo Infanto-juvenil, como também grupos de outros localidades de São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro. 

As apresentações começaram às 15 horas com os grupos da escola e se estenderam até as 19 horas, quando teve início o Baile típico com Banda Bavária. No período das 12h às 22h vendeu-se comidas típicas alemãs. “A proposta do evento é não só mostrarmos o talento de nossos grupos como também preservarmos as tradições da cultura alemã. É também uma oportunidade única de levarmos a rica cultura alemã para alunos, pais e professores”, explica Magda von Galen, diretora do Colégio Benjamin Constant.

O grupo de danças alemãs Tanzfreunde costuma empolgar o público dos locais em que se apresenta com seu talento e graciosidade. Sua preocupação é cultivar e manter a tradição alemã, em que a dança tem como finalidade unir as pessoas, mantendo ritmo, passos e técnicas, sempre respeitando seus limites físicos. Integrantes de 6 a 74 anos participam da equipe, cada um com seu tempo e ritmo, porém mantendo as figuras da dança.  

Confira abaixo os nomes dos grupos que participaram do evento: 

Grupos São Paulo:
* Tirol Schuhplatter
* Gold und Silber
* Edelweiss
* Tanzfreunde e CBC
Grupos Rio de Janeiro:
* Blumenberg Volkstanz - Petrópolis RJ
* Bauerngruppe Danças folclóricas alemãs de Petrópolis - Petrópolis RJ
Grupo Rio Grande do Sul:
* Grupo de Danças Böhmerland - Nova Petrópolis – RS
Grupos Paraná:
* Grupo Folclórico Rotkappen - Rolândia - PR
* Grupo de Danças Folclóricas Juvenil da Fundação Cultural Suábio-Brasileira – (Entre RJ –PR)
Programação 

Local do evento: Colégio Benjamim Constant - Rua Eça de Queiroz, 75, São Paulo – SP.

Fonte: Dino Divulgador

 

FOTOS DA FESTA DA COLHEITA DA IGREJA LUTERANA 2016 By FARINA

29/05/16 - 16 horas - Daqui a pouco o 1º vídeo do evento - Aguardem... 

Fonte: Blog do Farina

 

Encontro discute setor de Turismo de Rolândia

O vereador João Ardigo (PSB) participou na tarde desta sexta-feira (06), no Centro Cultural Nanuk, do uma palestra promovida pelo Conselho Municipal de Turismo de Rolândia (COMTUR) para discutir uma forma de fomentar o setor turístico de Rolândia. Na oportunidade, Manoel José Garcia, Diretor Presidente da Secretaria de Esportes e Turismo do Paraná ministrou para os presentes

Mais de 50 pessoas participaram do encontro onde puderam ouvir mais a respeito de um setor que está em crescimento no país, mas que ainda não deslanchou como deveria na opinião de Garcia.

Manoel José Garcia explicou que existem programas do Governo Estadual e Federal que podem ser executados e citou como exemplo o CADASTUR, um sistema de cadastro das empresa e profissionais que integram a cadeia do turismo.

O Diretor Presidente comentou ainda sobre o Departamento de Empreendimentos Turísticos (DET Paraná), órgão vinculado aSecretaria de Estado do Turismo que é responsável pelo cadastro de prestadores de serviços turísticos junto ao Ministério de Turismo que ajuda e muito também nesse processo.

Garcia destaca que em Rolândia, visitou diversos pontos considerados turísticos da cidade dentre elas a Fazenda Binimi, do presidente do COMTUR, Daniel Staidle e destaca que o município possui uma forte vocação para o turismo, mas destaca que todos, tanto Executivo, Legsilativo, sociedade civil devem tomar consciência disso e criar estratégias para fomentar a ideia. “Vim aqui para despertar isso na cidade, porque o turismo não foi assumido ainda por muitas cidades e estamos desafiando com esta palestra, que o município crie uma agenda nesse sentido já que turismo gera fomenta a economia local”, explica.O vereador e vice-presidente do COMTUR, João Ardigo destaca a importância do encontro e acredita que foram sanadas algumas dúvidas quanto ao assunto e que Rolândia vai trabalhar melhor essa questão a partir de agora. “Rolândia tem uma força neste setor, mas não estamos explorando como deveríamos, por isso, a vinda do professor Garcia nos deu uma luz e que vai nortear nossos trabalhos a partir de agora”, justifica.Participaram ainda do encontro, secretários municipais, o prefeito de Rolândia, Luiz Francisconi (PSDB) e representantes da sociedade civil organizada.

Fonte: Câmara Municipal de Rolândia.

 

Dia do trabalhador é comemorado com festa na praça.

No último domingo, 1º de maio, foi comemorado o dia do trabalhador com uma festa popular promovida pela prefeitura municipal de Rolândia na praça Castelo Branco

Diversas atrações fizeram parte da programação como shows musicais, apresentações de dança, distribuição de algodão doce e pipocas, brinquedos gratuitos para as crianças, sorteio de brindes e bicicletas entre outras atividades, stands e barracas organizadas pelas secretarias de meio ambiente, saúde, cultura e educação.

Apresentações de vários artista desta cidade, o Grupo Folclórico Alemão Rotkappen também estava presente neste dia.

Fonte: Manchete do Povo

 

Rolândia na Expo Londrina 2016

Município está na Feira de Sabores e na Via Rural

  O município de Rolândia participa da 56ª Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina em dois espaços: na Feira de Sabores e na Via Rural da Emater. 
   A Feira de Sabores é organizada por Rodrigo Aurélio Wegner, proprietário do Restaurante Casa do Peixe Frito, de Rolândia. Os rolandenses que participarão da feira serão Pousada Marabu, Casa da Cuca, Casa do Peixe Frito, Geleias Duga, Doces da Paty e Sucos Sófrutos. Rodrigo preside a Feira pelo 3º ano.

Via Rural
   Segundo Flávia Galbero Costa, turismóloga do município, haverá um estande montado durante todo o evento, no Espaço Vitrine do Turismo Rural – Via Rural, com o objetivo de divulgar o turismo de Rolândia, por meio da distribuição de panfletos e exibição de vídeos institucionais.

   No dia 17 (domingo), último dia da exposição, o Grupo Folclórico Alemão Rotkappen se apresentará, às 14h. A atual rainha da Oktoberfest, Gabriella Scomparin, estará presente. 

   Além das apresentações culturais, haverá degustação de bolachas alemãs, da Oma’s Kaffee Haus e de embutidos da Central Carnes, de São Martinho, das 15h às 16h. Nos outros dias, outras cidades da região utilizarão o espaço para degustação de produtos da gastronomia rural.

Fonte: Jornal de Rolândia

 

 

 

Neste domingo (11) o Lions clube de Rolândia realizou a 12ª edição do tradicional Almoço Alemão

Uma festa idealizada pelo Lions Clube de Rolândia que já se tornou tradição na cidade, chama atenção também de visitantes da região que vêm para conferir as delícias da culinária alemã.

Mais um evento de sucesso fez a alegria de quem pôde participar desta deliciosa festa. A presidente do Lions, Sandra Regina Troost, explica que toda a receita será destinada ao banco ortopédico do Clube.

O grupo folclórico alemão Rotkappen categoria infantil e adulto dançou e encantou com várias apresentações neste domingo ensolarado que certamente harmonizou com o choop extremamente gelado.

Fonte: Manchete do Povo

 

Rotkappen retoma seus ensaios

O Rotkappen é um grupo de danças folclóricas alemãs, que surgiu em 1988, quando foi organizada a primeira Oktoberfest de Rolândia

O Grupo Folclórico Alemão Rotkappen, de Rolândia, retomou seus ensaios no sábado (13). Os ensaios - infantil às 14h30 e adulto às 16 horas – serão realizados na Igreja Luterana (Av. Interventor Manoel Ribas, 1682). O acesso é pela Av. Tiradentes. “Quer se exercitar? Quer se divertir? Quer conhecer uma tradição secular? Venha dançar com o Rotkappen!”, convidam os integrantes do grupo.

O grupo

O Rotkappen é um grupo de danças folclóricas alemãs, que surgiu em 1988, quando foi organizada a primeira Oktoberfest de Rolândia, nas dependências da Igreja Luterana. A esposa do pastor, Odete Fünber Ravache, abraçou a ideia e convidou alguns jovens de descendência alemã para integrar o grupo.

Com o passar do tempo novos integrantes juntaram-se ao grupo, muitos deles já sem descendência, mas com interesse pelas músicas que animavam as festas e bailes típicos germânicos realizadas na cidade e região. Dança, ritmo e, principalmente, a amizade passaram a fazer parte da vida desses jovens.

Em 1991, a coordenação do grupo passou a ser feita pela Senhora Kronnenberg. Nesse ano o grupo foi registrado oficialmente, foram elaborados os estatutos, escolhida a presidência e distribuídos os cargos. Após três anos de atividade, o grupo foi denominado “Grupo Folclórico Alemão Rotkappen”.

Pelas mãos da então coordenadora, senhora Relinde Kronnenberg, foi tecido o estandarte oficial, que passou a ser conduzido em desfiles, apresentações e gincanas. O grupo passou a ser sinônimo de cultura alemã, em Rolândia e região.

O ano de 1994 ficou registrado como o de maior crescimento do Rotkappen. Foram criadas as categorias adulto e infantil, uma vez que pais e irmãos dos integrantes também queriam participar da alegria disseminada pelos jovens.

Como membro da Associação Cultural Gramado, do Rio Grande do Sul, o grupo participa de encontros anuais para repasse de danças, renovando assim, constantemente seu acervo.

O Rotkappen já teve contato com diversos grupos da Alemanha, alguns dos quais estiveram em turnê pelo Brasil, tendo passado por Rolândia.

O grupo de dança fez uma turnê pelo sul do Brasil, em 1995. Com aproximadamente 40 pessoas, o grupo viajou por 12 dias pelo Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Atualmente, o grupo tem 35 integrantes, alguns remanescentes das três categorias antes existentes e outros que há pouco tempo passaram a fazer parte da Família Rotkappen. Além da preservação da cultura alemã através da dança e da música, o Rotkappen se empenha em colaborar com projetos de ajuda comunitária, participa de eventos filantrópicos e outras atividades.

Fonte: Jornal de Rolândia

 

 


Comentários e sugestões: clique aqui